Dicas de Saúde Doenças e Tratamentos Valéria Carneiro

Doença de Behçet – O que é, Causas, Sintomas e Tratamentos

Gostou do post? Avalie!

Doença de Behçet – O que é, Causas, Sintomas e Tratamentos naturais. Além disso, a Doença de Behçet, também conhecida como síndrome de Behçet, é definida como uma vasculite multissistêmica de etiologia ainda não elucidada. Considera-se uma vasculite sistêmica crônica por sua capacidade para produzir a inflamação dos vasos sanguíneos de qualquer tamanho de uma forma recorrente, em que existem períodos onde seus efeitos são mais evidentes com outros de menor atividade. Então, confira Doença de Behçet – O que é, Causas, Sintomas e Tratamentos.

Doença de BehçetCausas Da Doença De Behçet: A causa da Doença de Behçet é desconhecida (idiopática). A predisposição genética pode ter alguma importância no aparecimento da doença de Behçet. Não existe um agente específico que desencadeie a doença. As pesquisas relativas às causas, assim como aos tratamentos, têm sido conduzidas em diferentes locais.

Sintomas Da Doença De Behçet: Os primeiros sintomas da Doença de Behçet costumam aparecer entre os 20 e os 40 anos. Os três mais característicos são:

Aftas ou Úlceras na Boca: redondas de 1 a 3 cm de tamanho e  dolorosas. Desaparecem em cerca de três semanas, mas costumam reaparecer.
Úlceras Genitais: similares as orais, mas maiores e costumam se localizar no escroto, pênis, vagina ou vulva.
Transtornos Oculares: uveítes, vasculite retiniana.

A doença de Behçet pode causar também outros sintomas relacionados com à inflamação dos vasos sanguíneos, como:

Tratamento Para Doença de Behçet: Embora esta Doença de Behçet seja incurável, possui tratamento. São utilizados fármacos de vários tipos, tanto para tratar as manifestações clínicas, quanto para procurar regular a atividade do sistema imune. Dentre eles estão os medicamentos imunomoduladores, como a colchicina, a pentoxifilina, a talidomida e o interferon, e também, os imunossupressores, como os corticóides, a ciclosporina, a azatioprina, a ciclofosfamida e o clorambucil. Alguns cuidados podem ser tomados para evitar o desencadeamento de alguns sintomas, como evitar a ingestão de alimentos que facilitem o aparecimento de aftas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Sobre o autor | Website

Drª. Valeria Carneiro Graduada na Universidade Federal de Minas Gerais em Medicina Especializada em Ginecologia e Obstetrícia, Pós Graduada no Departamento de Ginecologia na UNIFESP/ EPM a 2 anos, Experiência Clínica em patologias do trato genital feminino e foco em cirurgias ginecológicas como também especialista em partos normais e cirúrgicos.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.

Este site usa cookies e outras tecnologias similares para lembrar e entender como você usa nosso site, analisar seu uso de nossos produtos e serviços, ajudar com nossos esforços de marketing e fornecer conteúdo de terceiros. Leia mais em Política de Cookies e Privacidade.